5 dicas para aprimorar sua linguagem corporal

Por Silvana Lages

linguagem-corporal-imagem-pessoalTalvez você ainda não tenha percebido, mas não é só pela fala e pela escrita que nos comunicamos. Desde o modo como franzimos a testa, sorrimos, cruzamos os braços ou apertamos as mãos – tudo em nós passa uma mensagem.

Estudos apontam que a forma como a mensagem é transmitida é dividida da seguinte forma:

  • 7% – Verbal (somente palavras);
  • 38% – Vocal (tom de voz, velocidade, ritmo, volume e entonação);
  • 55% – Não-verbal (gestos, expressões faciais, postura e demais informações expressas sem palavras).

Pois é, como você viu, a linguagem corporal (a não-verbal) é de extrema importância para nossa comunicação e, por consequência, para a nossa Imagem Pessoal.

Sabendo disso, resolvi escrever este artigo e dar algumas dicas pensando em ajudá-lo a aprimorar a forma como seu “corpo fala”, pois isso pode contribuir (e muito!) para sua carreira. Vamos lá?

1) Postura

Manter uma boa postura é essencial para que você, primeiramente, seja notado. Andar curvado passa a mensagem de querer se esconder, além de parecer que você está desanimado, sem vontade e triste. Erga a cabeça, coloque os ombros pra trás e encare os desafios de frente.

2) Braços cruzados

Esse é um dos principais sinais de bloqueio na comunicação. Quando você cruza os braços é como se estivesse trancando-se, impedindo que o outro se aproxime ou mesmo interaja com você. Mantenha os braços ao lado das pernas ou então gesticulando. Mostre-se aberto e comunicativo.

3) Contato visual

Manter contato visual com quem está conversando é muito importante para deixar claro que você está prestando atenção. Para confirmar, você pode ainda fazer leves gestos de aceno com a cabeça, indicando que está acompanhando a fala do outro. Já se você estiver fazendo uma apresentação para várias pessoas, procure direcionar o olhar para todos, fazendo com que sintam-se acolhidos. Olhar para baixo, para os lados ou para o “além” vai fazer você parecer inseguro ou desligado.

4) Punhos, pés, olhos e respiração

O que todos esses itens tem em comum? Pense em alguém com o punho fechado, ou com os pés pisoteando, com olhos que dão aquela viradinha para cima ou ainda respirando de forma pesada. Se você emitir algum desses sinais, mesmo que diga palavras gentis, as pessoas ao redor o verão como alguém irritado, nervoso e impaciente.

5) Testa franzida

Não existe sinal maior de insatisfação do que uma testa franzida. Algumas pessoas têm o hábito de franzir a testa, mesmo em situações comuns do dia a dia. Preste atenção se você tem esse costume e tente corrigi-lo. O ideal é manter o rosto sempre relaxado e, sempre que possível, sorria.

Viu só quanta coisas seu corpo pode comunicar? Obviamente que estas são apenas algumas dicas, ainda há muito a ser explorado no campo da linguagem corporal. Prometo trazer mais dicas logo mais.

Fique atento para que os seus gestos estejam sempre alinhados ao seu discurso e, como um todo, à imagem que você deseja transmitir e busque seu sucesso!

Silvana Lages

Gostaria de orientar sua equipe sobre como a comunicação não verbal pode contribuir para o sucesso profissional? Entre em contato conosco e conheça nossas opções de palestras: (31) 9136-7973 | comercial@silvanalages.com.br

Você não está autorizado a visualizar esta parte
O campo App IDotherwise your plugin won't work.
Deixe um comentário

Comentar post