Novos tempos? Nova imagem!

Por Silvana Lages

imagem-pessoal-1Hoje quero contar a você uma história que aconteceu com uma amiga minha e que me fez perceber como precisamos enxergar as mudanças com melhores olhos…

Assim que essa minha amiga engravidou do primeiro filho e começou a ganhar os primeiros quilos (e a ver seu manequim alterar de numeração), olhou para as suas roupas pré-gravidez e falou: “não se desesperem, logo vocês voltarão a ser utilizadas”. Claro, era essa a convicção dela: um mês depois do nascimento do bebê ela voltaria à antiga forma, podendo reaproveitar todas as roupas.

Porém, não foi bem assim. Problemas pessoais fizeram com que o retorno dela ao antigo manequim demorasse mais tempo do que ela imaginava. Quando finalmente conseguiu emagrecer, quase três anos depois da gravidez, a primeira coisa que fez foi revirar o armário, escolher umas peças antigas e sair feliz e saltitante pelas ruas, super realizada por estar de volta ao antigo peso.

Qual foi o erro da minha amiga?

Contente por ter vencido a luta contra a balança, minha amiga levou apenas em consideração o fato de as roupas voltarem a servir, sem pensar se elas eram adequadas ao seu novo estilo (sim, ao se tornar mãe ela mudou um pouco seu pensamento e comportamentos), à moda, ao momento profissional. A impressão que tive quando a encontrei usando aquelas peças foi que ela saiu de casa cheirando naftalina!

Dicas práticas

Isso que aconteceu com minha amiga com certeza acontece com muita gente – tanto com mulheres que engravidam quanto com homens e mulheres que engordam por outros motivos e um tempo depois retornam à numeração anterior.

Sabendo disso, resolvi reunir aqui algumas dicas para você não deixar que esse hábito prejudique sua imagem pessoal (sim, pois é isso que acontece se você não se vestir de maneira adequada ao ambiente, ocasião e ao seu próprio estilo naquele momento). Acompanhe.

1) Faça uma análise criteriosa das peças que você poderia voltar a usar

Não é porque as roupas voltaram a servir que você precisa utilizá-las. Tire tudo do armário e analise peça a peça. Depois disso, passe para a segunda etapa…

2) Pratique o desapego sem dó!

Concluiu que algumas peças devem ficar no passado? Doe, venda, troque com amigas, faça um bazar… enfim, só não deixe que elas ocupem espaço no seu armário!

3) Cuide das roupas que mantiver

Pequenos ajustes podem fazer peças velhas se tornarem novas de novo. Depois de analisar tudo o que você tem no seu armário e de desapegar do que não vai mais usar, dê uma atenção às roupas que você decidiu manter. Como disse neste artigo, uma costureira pode fazer milagres!

4) Precisa de algo mais? A hora é agora

Depois disso tudo você vai poder dizer se necessita de novas peças de roupa para construir sua imagem pessoal e, também, para amaciar o ego, pois poder adquirir uma peça alguns tamanhos menor é uma delícia!

Nada de cheirar naftalina e “coleção passada de você mesmo”, hein?

Sucesso!

Você não está autorizado a visualizar esta parte
O campo App IDotherwise your plugin won't work.
2 Respostas para "Novos tempos? Nova imagem!"
Deixe um comentário

Comentar post